Sexta-feira, 24 de setembro de 2021

Política

Deputado prefere crer em retração de Bolsonaro: ʹOu vamos ter que virar guerrilheirosʹ

Após a execução da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), o deputado federal Chico Alencar (PSOL-RJ) prefere acreditar que discursos de ódio darão lugar para a sensibilidade no país. Em entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, o parlamentar disse que a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) deve ser retraída. [Leia mais...]

Deputado prefere crer em retração de Bolsonaro: ʹOu vamos ter que virar guerrilheirosʹ

Foto: Agência Brasil

Por: Gabriel Nascimento no dia 16 de março de 2018 às 09:07

Após o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), o deputado federal Chico Alencar (PSOL-RJ) prefere acreditar que os discursos de ódio darão lugar à sensibilidade no país.

Em entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metrópole, o parlamentar disse que a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) deve ser retraída. "Bolsonaro é no mínimo conivente com grupos de extermínio, é tosco, truculento. Pelo que eu ví ontem nas ruas do Rio, me parece o contrário [não vai favorecer a candidatura]", afirmou. O presidenciável disse que não se manifestou sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) porque a opinião dele seria "muito polêmica".

Ainda de acordo com Alencar, se Bolsonaro crescer e alcançar a Presidência da República, "vamos ter que virar guerreiros anti-nazistas". "Ouvi dizer que, em redes sociais, a turma da extrema direita fez comentários criminosos do tipo: ʹViu? Fica defendendo bandido. Deu no que deuʹ. Mas isso não é majoritário no Brasil. Não pode ser", acrescentou.

"A pauta de Direitos Humanos, a sensibilidade podem crescer. Mesmo do lado do Bolsonarismo rudimentar, alguns setores podem achar que é demais, dizer ʹnão é por aí, nãoʹ", concluiu.

Deputado prefere crer em retração de Bolsonaro: ʹOu vamos ter que virar guerrilheirosʹ - Metro 1