Segunda-feira, 26 de julho de 2021

Política

Defesa de Débora Santana nega irregularidade em conta eleitoral

Neomar Filho completa ainda que as doações colocadas em suspeição não representam nem mesmo 2% do total recebido pela candidata no ano de 2016.

Defesa de Débora Santana nega irregularidade em conta eleitoral

Foto: Divulgação

Por: Alexandre Galvão no dia 29 de março de 2018 às 06:29

A defesa da ex-candidata a vereadora, Débora Santana (PSD), liderada pelo advogado Neomar Filho, negou que as contas da política contenham irregularidades, como publicou o Metro1. De acordo com o defensor, “os apontamentos do setor técnico do TRE foram realizados em absoluto desacordo com a realidade”.

“Muito embora Justiça Eleitoral venha aperfeiçoando os seus sistemas de controle e fiscalização das prestações de contas dos candidatos, ainda é possível identificar que apontamentos são realizados em absoluto descordo com a realidade. As três doações indicadas pelo sistema, por exemplo, sugerem uma suposta doação empresarial indireta, tão somente porque os três doadores trabalham para um mesmo empregador”, diz Filho.

Neomar completa ainda que as doações colocadas em suspeição não representam nem mesmo 2% do total recebido pela candidata no ano de 2016.

"É preciso esclarecer, ainda, que não há distinção entre cidadãos para que possam ou não doar recursos às campanhas eleitorais. Ou seja, pode ser o doador um comerciante, um profissional autônomo ou mesmo servidor público. Desde que aos percentuais indicados pela legislação eleitoral sejam observados, não há nada de errado com a doação. Inclusive, no caso específico da campanha de Débora Santana, as doações em destaque pelo sistema da Justiça Eleitoral não chegam sequer a 2% do valor movimentado pela campanha", argumentou.

Defesa de Débora Santana nega irregularidade em conta eleitoral - Metro 1