Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Apontado como operador do PSDB, Paulo Preto é preso pela PF

A denúncia foi aceita e os réus respondem pelos crimes de formação de quadrilha, peculato e inserção de dados falsos em sistema público de informação. [Leia mais...]

[Apontado como operador do PSDB, Paulo Preto é preso pela PF]
Foto : Reprodução / El País

Por Alexandre Galvão no dia 06 de Abril de 2018 ⋅ 07:40

A Polícia Federal prendeu na manhã de hoje (6) Paulo Vieira de Souza, também conhecido como Paulo Preto. Ele é alvo de pedido de prisão preventiva no âmbito da Operação Lava Jato. O tucano é acusado de ter desviado recursos, em espécie e em imóveis, da Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S.A.), de onde é ex-diretor. Também foram executados mandados de busca e apreensão na residência dele.

Segundo o Estadão, a Lava Jato o acusa, além de José Geraldo Casas Vilela e outras três pessoas, por desvios de R$ 7,7 milhões para a realização das obras do trecho sul do Rodoanel, o prolongamento da Avenida Jacu Pêssego e a Nova Marginal Tietê, na região metropolitana de São Paulo.

A denúncia foi aceita e os réus respondem pelos crimes de formação de quadrilha, peculato e inserção de dados falsos em sistema público de informação.

Notícias relacionadas