Política

Geddel já empregou sete parentes na Câmara

O próprio Geddel e seu irmão ocuparam cargos no gabinete do pai nos anos 1980

[Geddel já empregou sete parentes na Câmara]
Foto :Valter Campanato/Agência Brasil

Por Metro1 no dia 08 de Maio de 2018 ⋅ 06:34

Acusado de peculato e lavagem de dinheiro, o ex-ministro baiano Geddel Vieira Lima (MDB) já empregou sete parentes na Câmara dos Deputados. De acordo com a Folha, a lista conta com a mãe, irmãos e cunhadas do político.

A primeira nomeação foi da mãe de Geddel, Marluce Quadros Vieira Lima, em 1975. Ela foi indicada para o gabinete do marido, o então deputado federal Afrísio Vieira Lima. Posteriormente, foi remanejada para outros cargos na Câmara, onde ficou até se aposentar.

O próprio Geddel e o irmão Lúcio ocuparam cargos no gabinete do pai nos anos 1980. O outro irmão, Afrísio Vieira Lima Filho, é o único da família que mantém cargo na Câmara até hoje. Desde 1997 é diretor legislativo e tem salário mensal de R$ 33,9 mil.

As mulheres dos irmãos Geddel, Lúcio e Afrísio Filho também ganharam cargos.

Alessandra Vieira Lima foi nomeada em 1997 pelo então presidente da Casa, o hoje presidente Michel Temer (MDB), aliado de Geddel.

De 2007 a 2009, ela foi assessora na Assembleia Legislativa da Bahia. Patrícia Vieira Lima assumiu cargo no gabinete de Geddel em 2002.

Notícias relacionadas