Política

'Palocci mentiu mais uma vez', diz defesa de Lula sobre delação

Criminalista Cristiano Zanin Martins disse que Palocci não apresentou provas e delatou Lula com o intuito de obter benefício

['Palocci mentiu mais uma vez', diz defesa de Lula sobre delação]
Foto : Ricardo Stuckert / Instituto Lula

Por Marina Hortélio no dia 01 de Outubro de 2018 ⋅ 18:00

Em resposta à delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci (veja aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui e aqui também), na qual o ex-presidente Lula é acusado de envolvimento no esquema de loteamento de cargos estratégicos e corrupção na Petrobras, a defesa do petista afirmou que o ex-ministro "mentiu mais uma vez" nas acusações.

O criminalista Cristiano Zanin Martins, defensor de Luiz Inácio, disse que Palocci não apresentou provas e delatou com o intuito de obter “generosos benefícios que vão da redução substancial de sua pena – 2/3 com a possibilidade de perdão judicial e da manutenção de parte substancial dos valores encontrados em suas contas bancárias”.

Parte da colaboração premiada de Palocci foi divulgada hoje (1º) pelo juiz Sérgio Moro.

Notícias relacionadas