Política

Suposto vídeo íntimo de Doria foi vazado 'por uma menina que não recebeu cachê', diz vereador

Campanha do tucano informou que entrou com um pedido de investigação junto à Justiça Eleitoral para apuração da autoria do crime praticado contra ele

[Suposto vídeo íntimo de Doria foi vazado 'por uma menina que não recebeu cachê', diz vereador]
Foto : André Bueno/CMSP

Por Rodrigo Daniel Silva no dia 25 de Outubro de 2018 ⋅ 06:50

Do partido do governador de São Paulo e candidato à reeleição Márcio França, o vereador Camilo Cristófaro (PSB) disse que o suposto vídeo íntimo de João Doria (PSDB) vazou devido a falta de pagamento de programa.

"Isso aí está sendo posto na internet por um das meninas que não recebeu o cachê do João Doria no swing", disse o vereador, em entrevista ao jornal Folha de São Paulo.

A campanha de Doria informou que entrou com um pedido de investigação junto à Justiça Eleitoral para apuração da autoria do crime praticado contra ele. Segundo o tucano, peritos criminais contratados pelo candidato constataram que o vídeo é falso.

Notícias relacionadas