Política

Moro se esquiva sobre convite para integrar governo Bolsonaro

"Não tem comentário. Vou ficar devendo", disse o juiz 

[Moro se esquiva sobre convite para integrar governo Bolsonaro]
Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

Por Metro1 no dia 30 de Outubro de 2018 ⋅ 12:40

O juiz federal Sérgio Moro, que é responsável pelo processo da Lava Jato na primeira instância, se esquivou quando questionado sobre o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) para ele ser ministro da Justiça ou integrar o Supremo Tribunal Federal, quando abrir uma vaga na Corte.

"Não tem comentário. Vou ficar devendo", disse o magistrado à colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de São Paulo.

Segundo o jornal O Globo, Moro teria admitido, no entanto, a interlocutores a hipótese de aceitar o convite para afastar o temor de alguns setores da sociedade sobre a possibildiade de quebra do Estado Democrático de Direito.

Notícias relacionadas

[PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro por críticas ao partido]
Política

PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro por críticas ao partido

Por Juliana Rodrigues no dia 20 de Outubro de 2019 ⋅ 09:00 em Política

“Precisamos salvar o Brasil dos filhos do presidente”, disse o deputado Júnior Bozzella (SP), que é um dos principais porta-vozes do presidente da sigla, Luciano Bivar