Política

Imprensa não pode ser vista como inimiga 'em hipótese alguma', diz Mourão

Vice-presidente eleito também admitiu falhas na comunicação do futuro governo de Jair Bolsonaro (PSL)

[Imprensa não pode ser vista como inimiga 'em hipótese alguma', diz Mourão]
Foto : Exército Brasileiro/Divulgação

Por Juliana Rodrigues no dia 01 de Novembro de 2018 ⋅ 09:00

O vice-presidente eleito, general Hamilton Mourão (PRTB), afirmou, ontem (31), que não se deve tratar a imprensa como inimiga "em hipótese alguma". A declaração foi dada em uma conversa com jornalistas no Clube Militar, no Rio de Janeiro.

Ele também admitiu falhas na comunicação do futuro governo de Jair Bolsonaro (PSL) e defendeu que a equipe contrate alguém que "saiba transmitir aquilo que o governo quer transmitir". "A comunicação nossa é ruim, né? Ruim é até um elogio", disse o general.

Mourão se disse favorável à redução do número de cargos e benefícios disponibilizados para o Presidente da República e para o vice, além de negar que militares devam ocupar os comandos das estatais.

Notícias relacionadas

[PF montou em um dia operação contra Bivar]
Política

PF montou em um dia operação contra Bivar

Por Alexandre Galvão no dia 15 de Outubro de 2019 ⋅ 11:00 em Política

Além da casa de Bivar no Recife e da sede do partido, estão entre os alvos endereços de três ex-candidatas do PSL