Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Número de médicos e professores cai na Câmara; militares e religiosos sobem

Docentes, que formam hoje a terceira maior bancada da Casa, com 75 membros, cairão para 47 na próxima legislatura

[Número de médicos e professores cai na Câmara; militares e religiosos sobem]
Foto : Felipe Sampaio

Por Alexandre Galvão no dia 05 de Novembro de 2018 ⋅ 14:00

O número de médicos e professores caiu na Câmara dos Deputados. Em contrapartida, houve um aumento na quantidade de militares. 

Segundo levantamento do jornal Folha de São Paulo, os docentes, que formam hoje a terceira maior bancada da Casa, com 75 membros, cairão para 47 na próxima legislatura. Já o número de médicos caiu de 44 para 36.

Em linha oposta, líderes evangélicos quase dobraram de tamanho de 11 para 19. A bancada formada por militares, policias e delegados vai passar de 19 para 28 cadeiras

Notícias relacionadas