Política

PF vê participação de ministro do Turismo em esquema de laranjas

Presidente Jair Bolsonaro diz que aguarda a conclusão das investigações para decidir o destino de Marcelo Álvaro Antônio

[PF vê participação de ministro do Turismo em esquema de laranjas]
Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Por Juliana Rodrigues no dia 05 de Abril de 2019 ⋅ 08:00

A Polícia Federal vê elementos que indicam a participação de Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo, no esquema de candidaturas de laranjas do PSL em Minas Gerais na eleição de 2018. Após 30 dias de investigação, a PF apura as suspeitas de falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

De acordo com a Folha, os indícios se baseiam em depoimentos prestados (entre eles o de um nome inédito), áudios obtidos pela PF e documentos colhidos. No entanto, ainda é preciso aprofundar as investigações para identificar qual teria sido a participação de Álvaro Antônio, então presidente do PSL em Minas Gerais, em eventuais crimes.

Além do caso de Minas, outro esquema de candidaturas laranjas foi identificado em Pernambuco e levou à queda do ministro Gustavo Bebianno da Secretaria-Geral da Presidência. Na época do esquema, ele era presidente nacional do PSL.

O presidente Jair Bolsonaro diz esperar a conclusão da apuração da PF para decidir o destino do ministro do Turismo, já que a situação causa desgaste para o governo.

Notícias relacionadas

[Doria diz que Bolsonaro precisa trabalhar mais e tuitar menos]
Política

Doria diz que Bolsonaro precisa trabalhar mais e tuitar menos

Por Juliana Rodrigues no dia 20 de Setembro de 2019 ⋅ 10:40 em Política

Nova provocação entre os potenciais adversários nas eleições presidenciais de 2022 acontece em meio ao anúncio de investimentos da montadora Toyota em São Paulo