Política

Após marcha, prefeitos se frustram com discurso de Bolsonaro em Brasília

Presidente faz afirmações vagas e cita apoio a emenda que aumenta recursos dos municípios

[Após marcha, prefeitos se frustram com discurso de Bolsonaro em Brasília]
Foto : Marcos Corrêa/PR

Por Matheus Simoni no dia 09 de Abril de 2019 ⋅ 17:40

Os prefeitos que participam a XXII edição da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios reclamaram da fala do presidente Jair Bolsonaro (PSL), na abertura do evento hoje (9). A delegação baiana em Brasília, com mais de 280 prefeitos, aguardava uma sinalização positiva do governo federal às pautas, como a correção dos repasses de programas federais e projetos novos em benefício dos municípios, mas isso não ocorreu.

Em discurso feito aos mais de 5 mil participantes presentes no evento, Bolsonaro afirmou que o ministro da Economia, Paulo Guedes, tinha recebido seu “sinal verde” para apoiar a emenda, em tramitação na Câmara, que amplia em 1% o repasse ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM). “Queremos dividir o pouco que nós temos com vocês”, declarou.

Presidente da UPB, Eures Ribeiro falou da impressão deixada por Bolsonaro e lamentou o posicionamento do presidente. "Toda marcha sempre é anunciado algum benefício para os municípios e o discurso do presidente foi muito vago, vazio, com promessas futuras, mas nada de concreto. Automaticamente, frustra a perspectiva de haver investimento desse novo governo direcionado aos municípios. É impressão minha e dos meus colegas que conversei aqui em Brasília”, ressaltou Ribeiro que é prefeito de Bom Jesus da Lapa e também vice-presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), que organiza o evento.

A Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios segue até a quinta-feira (11).
 

Notícias relacionadas