Política

Three Hills: PF mira gestão de deputado em Lafaiete Coutinho 

São cumpridos sete mandados de busca e apreensão, que são cumpridos em Salvador e Lafaiete Coutinho. De acordo com a PF, 30 policiais federais atuam na operação

[Three Hills: PF mira gestão de deputado em Lafaiete Coutinho ]
Foto : Divulgação

Por Alexandre Galvão / Juliana Almirante no dia 16 de Abril de 2019 ⋅ 07:21

A Operação Three Hills, deflagada hoje (16) pela Polícia Federal em Salvador e Lafaiete Coutinho, mira a gestão do ex-prefeito Zé Cocá, que agora é deputado estadual. 
Em seu site, Zé Cocá se apresenta como ficha limpa e diz que sua gestão na prefeitura foi “inovadora e eficiente conquistou 95% de aprovação popular tornando-o candidato único na sua reeleição em 2012.”

De acordo com a Polícia Federal, as investigações que deram origem à Operação Three Hills se iniciaram em 2016, após o recebimento de denúncia de que a pessoa jurídica que havia vencido todas as licitações para o fornecimento de combustível para o município de Lafaiete Coutinho, no período de 2010 a 2016, na verdade pertenceria ao então prefeito daquele município, mas estaria em nome de “laranjas”.

Com as investigações encetadas no Inquérito, comprovou-se que o posto de combustíveis na verdade era administrado por um servidor da Prefeitura de Lafaiete Coutinho, o qual chegou a ser responsável pela conferência do recebimento do material (combustíveis) em relação a dois procedimentos licitatórios, além de Presidente da Comissão Permanente de Licitação em um certame e Pregoeiro designado pelo prefeito municipal em outro certame. 

São executados sete mandados de busca e apreensão em Salvador e Lafaiete Coutinho. De acordo com a PF, 30 policiais federais atuam na operação.

Notícias relacionadas