Política

Boca quente: Rui doa camisa do Vitória e comunicação do clube segue ladeira abaixo

Coluna tem ainda a lista de quem não vai neste domingo

[Boca quente: Rui doa camisa do Vitória e comunicação do clube segue ladeira abaixo]
Foto : Fernando Vivas / GOVBA

Por Jornal da Metrópole no dia 23 de Maio de 2019 ⋅ 08:17

Meia-volta  
Torcedor do Bahia, o governador Rui Costa (PT) não fez cerimônia ao afirmar que não irá vestir a camisa do Esporte Clube Vitória que ganhou do presidente do clube, Paulo Carneiro. Durante almoço com a imprensa, disse que vai dar de presente para algum irmão. Faz bem, tendo em vista as opiniões de Carneiro sobre ele. 

Ribanceira abaixo  
E por falar no Leão, a comunicação do Vitória segue ribanceira abaixo. Uma ajuda primordial na formalização da tragédia é dada pelo presidente, Paulo Carneiro, que insiste em anunciar novidades importantes do clube no seu Twitter, fechado e com apenas dois mil seguidores. Seria PC mais um súdito de Bolsonaro? 

Pode isso?  
Como perguntar não ofende... autointitulado defensor dos animais, o deputado estadual Marcell Moraes está na sua nova empreitada: ser conhecido em Vitória da Conquista, onde quer ser prefeito. Para isso, resolveu dar uma festa e vender camisas através de sua conta no Instagram. A Procuradoria Regional Eleitoral já está de olho.

Domingo ele não vai  
Apesar de acreditar que as manifestações deste próximo domingo (26) são “espontâneas”, o presidente Jair Bolsonaro avisou que nem mesmo ele vai. Uma possível ida do morador do Palácio do Planalto para os atos poderia esgarçar ainda mais as relações com o Congresso Nacional. A coisa já não anda muito boa para o governo...

Fora também  
Quem também já confirmou ausência é o governador de São Paulo, João Doria Júnior (PSDB), que defendeu uma pacificação no país. Para ele, não há “necessidade”. Além dele, o general Santos Cruz, ministro de Bolsonaro, tem desestimulado o movimento. Ao que parece, apenas a bancada de deputados-cinegrafistas amadores do PSL irá. 

Perto do fim  
O governador Rui Costa garantiu que dentro das próximas semanas deve escolher qual dos três advogados escolhidos pelo Quinto Constitucional irá compor o Tribunal de Justiça. Em tom de desabafo, disse que a pressão é grande, mas garantiu que não tem acordo feito com nenhum dos candidatos ao posto. 

Confira aqui o Jornal da Metrópole desta semana. 

Notícias relacionadas

[No centro de crise, Moro omite detalhes de agenda nos EUA]
Política

No centro de crise, Moro omite detalhes de agenda nos EUA

Por Juliana Almirante no dia 25 de Junho de 2019 ⋅ 11:20 em Política

Assim como todos os ministros de Estado, ele deveria informar por meio de assessoria ou no site oficial da Justiça quais são os compromissos oficiais