Política

Bolsonaro diz não ver problema em criança praticar tiro desde que acompanhada por responsável

O novo decreto sobre armas e munição fixou em 14 anos a idade mínima para praticar tiro esportivo

[Bolsonaro diz não ver problema em criança praticar tiro desde que acompanhada por responsável]
Foto : Fernando Frazão/Agência Brasil

Por Kamille Martinho no dia 23 de Maio de 2019 ⋅ 17:00

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje (23) que não vê problema em uma criança de 8 a 10 anos praticar tiro esportivo, desde que acompanhada por um responsável. As informações são do Blog da Andréia Sadi.

O novo decreto sobre armas e munição publicado pelo governo ontem (22), fixou em 14 anos a idade mínima para praticar tiro esportivo e determinou a exigência de autorização de ambos os responsáveis do adolescente, ou de apenas um deles, na falta do outro.

O texto anterior, publicado pelo governo em 8 de maio, não estabelecia limite de idade e permitia a prática de tiro com o aval de apenas um dos responsáveis legais. Antes dos decretos, crianças e adolescentes só podiam praticar tiro com autorização judicial.

O presidente ainda relatou que seus filhos praticaram tiro desde muito jovens.

Notícias relacionadas

[Bolsonaro nomeia novo chefe da EBC]
Política

Bolsonaro nomeia novo chefe da EBC

Por Lara Curcino no dia 30 de Setembro de 2020 ⋅ 12:40 em Política

Ex-diretor da SBT, publicitário Glen Lopes assume o posto ocupado por general Luiz Carlos Pereira Gomes