Política

Sem aval da Câmara, Planalto adia pacto entre os três poderes

Acordo foi anunciado pelo governo há duas semanas, após reunião entre os chefes dos poderes

[Sem aval da Câmara, Planalto adia pacto entre os três poderes]
Foto : Marcos Corrêa/PR

Por Juliana Rodrigues no dia 10 de Junho de 2019 ⋅ 12:00

O Palácio do Planalto decidiu adiar a assinatura do pacto entre os três poderes que havia sido anunciado pelo governo, há duas semanas, após reunião entre o presidente Jair Bolsonaro e os chefes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli.

De acordo com o blog de Andréia Sadi, no G1, o pacto, que seria firmado hoje (10), foi adiado após uma sinalização de que Maia só assinaria o texto com aval de deputados.

Na prática, Maia avisou ao governo que a ideia do pacto era só do Executivo e que não havia nenhuma outra pauta a ser pactuada entre Legislativo e Executivo neste momento, a não ser a reforma da Previdência. Com isso, o governo recuou.

Deputados afirmaram ao blog que, caso haja um texto a ser assinado, ele será do Legislativo.

Notícias relacionadas

[PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro por críticas ao partido]
Política

PSL deve suspender Eduardo Bolsonaro por críticas ao partido

Por Juliana Rodrigues no dia 20 de Outubro de 2019 ⋅ 09:00 em Política

“Precisamos salvar o Brasil dos filhos do presidente”, disse o deputado Júnior Bozzella (SP), que é um dos principais porta-vozes do presidente da sigla, Luciano Bivar