Política

Justiça autoriza senador em prisão domiciliar a passar férias no Caribe

Acir Gurgacz responde por crimes contra o sistema financeiro

[Justiça autoriza senador em prisão domiciliar a passar férias no Caribe]
Foto : Waldemir Barreto/Agência Senado

Por Catarina Lopes no dia 26 de Junho de 2019 ⋅ 18:00

O senador Acir Gurgacz (PDT), que cumpre pena em regime aberto e dá expediente no Congresso, foi autorizado pela Justiça do Distrito Federal a passar férias em um resort na ilha de Aruba, no Caribe. Em outubro de 2018, o senador foi condenado a quatro anos e seis meses de prisão por crimes contra o sistema financeiro.

A medida, que recebeu parecer favorável do Ministério Público do DF, tem o poder de suspender a execução da pena aplicada ao político durante os 15 dias que ele estiver fora do país. Segundo o senador, ele irá tirar férias com a família, "como de costume, dentro da lei". No fim da execução da pena, ele terá que ficar mais quinze dias cumprindo as restrições do regime aberto.

Notícias relacionadas