Política

TSE autoriza investigação de suposto 'Caixa 2' envolvendo Jaques Wagner

Informação foi confirmada pelo Ministério Público Federal (MPF) hoje (26)

[TSE autoriza investigação de suposto 'Caixa 2' envolvendo Jaques Wagner]
Foto : Jonas Pereira/Agência Senado

Por Matheus Simoni no dia 26 de Junho de 2019 ⋅ 18:05

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizou a instauração de inquérito policial para apurar supostos crimes eleitorais cometidos pelo senador e ex-governador da Bahia Jaques Wagner (PT) em campanhas nos anos de 2006 e 2010. A informação foi confirmada pelo Ministério Público Federal (MPF) hoje (26).

De acordo com o órgão, a decisão atendeu a recurso movido pelo Ministério Público Eleitoral, por meio da Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE-BA), no último dia 8 de abril. Ainda segundo o MPF, acordos de delação premiada relacionados à Lava Jato fizeram com que o STF encaminhasse as investigações referentes ao senador para andamento na Justiça Federal na Bahia.

Os crimes investigados teriam ocorrido após pagamentos de benefícios indevidos ao ex-governador em troca de favorecimento à empresa Odebrecht. Também consta dos relatos narrados nas delações a informação de que foram feitas doações tanto contabilizadas quanto não registradas (‘caixa 2’) para as duas campanhas de Wagner.
 

Notícias relacionadas

[Bolsonaro estuda acabar com Ancine, diz coluna]
Política

Bolsonaro estuda acabar com Ancine, diz coluna

Por Juliana Rodrigues no dia 18 de Julho de 2019 ⋅ 07:20 em Política

Segundo a colunista Mônica Bergamo, da Folha, o presidente não teria gostado de saber de projetos aprovados pela agência, como um reality para revelação de modelos trans