Política

Bolsonaro compara crise no PSL a ferida que 'cicatriza naturalmente'

Presidente se referiu, no entanto, a correligionários "novatos", que chegam e acham já sabem de tudo

[Bolsonaro compara crise no PSL a ferida que 'cicatriza naturalmente']
Foto : José Dias/ PR

Por Juliana Almirante no dia 21 de Outubro de 2019 ⋅ 13:10

O presidente Jair Bolsonaro negou a existência de uma crise no PSL, em conversa com a imprensa hoje (21), enquanto caminhava pelas ruas de Tóquio. Para ele, o que ocorre atualmente é como "ferida" que "cicatriza naturalmente".

"Não há crise nenhuma, zero", afirmou, destacando que "o Senado que decide amanhã a Previdência".
Em seguida, ao questionado sobre se consegue ver expectativa de um desfecho do caso, afirmou: "Essas coisas acontecem. É igual a uma ferida, cicatriza naturalmente".

Bolsonaro se referiu, no entanto, a correligionários "novatos", que chegam e acham já sabem de tudo. 
"Eu passei 28 anos ali [no Congresso] sem um cargo. Problema eu tive lá dentro, mas sem chegar ao nível de um parlamentar que chegou agora... Linguajar que nunca vi em lugar nenhum do mundo", declarou o presidente.

Notícias relacionadas