Política

Edward Snowden critica perseguição contra Glenn Greenwald: 'Alerta vermelho'

Americano é ex-técnico da CIA e foi acusado de espionagem por vazar informações sigilosas de segurança dos Estados Unidos

[Edward Snowden critica perseguição contra Glenn Greenwald: 'Alerta vermelho']
Foto : Divulgação

Por Matheus Simoni no dia 21 de Janeiro de 2020 ⋅ 14:26

O ex-agente da CIA Edward Snowden, refugiado na Rússia depois ter denunciado a vigilância maciça por parte dos Estados Unidos, comentou a decisão do Ministério Público Federal (MPF), que denunciou o jornalista americano Glenn Greenwald no caso conhecido como Vaza Jato. A repercussão de mensagens entre procuradores da Lava Jato e o então juiz Sérgio Moro foi divulgada pelo site The Intercept Brasil, do qual Glenn faz parte.

Segundo Snowden, a denúncia é uma ameaça à liberdade de imprensa. "Alerta vermelho absoluto: é uma retaliação inacreditavelmente nua por revelar corrupção extrema nos níveis mais altos da administração de Bolsonaro e uma ameaça existencial ao jornalismo investigativo no Brasil", declarou.

Snowden é ex-técnico da CIA e foi acusado de espionagem por vazar informações sigilosas de segurança dos Estados Unidos e revelar em detalhes alguns dos programas de vigilância que o país usa para espionar a população americana. 

 

Notícias relacionadas