Política

Bolsonaro vê operação da PF como ataque a ele e ao governo

Ação foi determinada pelo STF e cumpriu 21 mandados, incluindo contra o deputado Daniel Silveira e o blogueiro Allan dos Santos

[Bolsonaro vê operação da PF como ataque a ele e ao governo]
Foto : Alan Santos/PR

Por Lara Curcino no dia 16 de Junho de 2020 ⋅ 12:33

A operação realizada pela Polícia Federal, na manhã de hoje (16), foi, do ponto de vista do presidente Jair Bolsonaro, mais um ataque a seu grupo de apoio, a ele e ao governo. A ação foi determinada pelo Supremo Tribunal Federal e cumpriu 21 mandados de busca e apreensão, incluindo contra o deputado Daniel Silveira e o blogueiro Allan dos Santos, do Terça Livre. 

De acordo com o blog da jornalista Ana Flor, no G1, uma fonte que conversou com o presidente afirmou que Bolsonaro se mostrou irritado ao tomar conhecimento das ações da PF e reclamou por focarem “mais uma vez” em defensores de seu governo, tanto políticos quanto empresários, e o que chama de “sua mídia”. 

Ainda segundo o blog, o chefe do Executivo tem recebido conselhos de assessores e outras lideranças para apaziguar as relações com o Judiciário, em que correm os dois inquéritos que investigam a organização e financiamento de atos antidemocráticos, além da produção e disseminação de fake news. Ambos têm o ministro Alexandre de Moraes como relator.

Notícias relacionadas