Saúde

Vigilância Sanitária proíbe comercialização e uso de produto para alisar cabelo

Foi publicada no Diário Oficial da União da última quinta-feira (2) a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que proíbe a fabricação, distribuição, divulgação, além da comercialização e uso de produtos fabricados pela empresa José de Brito Daniel (Ravvivare Cosméticos). [Leia mais...]

[Vigilância Sanitária proíbe comercialização e uso de produto para alisar cabelo]
Foto : Getty Images

Por Jessica Galvão no dia 05 de Maio de 2017 ⋅ 16:40

Foi publicada no Diário Oficial da União da última quinta-feira (2) a decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que proíbe a fabricação, distribuição, divulgação, além da comercialização e uso de produtos fabricados pela empresa José de Brito Daniel (Ravvivare Cosméticos).

Segundo a resolução, todas as unidades dos produtos Clear Plus Repositor de Massa, Clear Plus Desmaia Cabelo, Clear Plus Monovit A - Tônico Fortalecedor Capilar e Creme para Fissuras Plus devem ser recolhidas do mercado, por não possuírem registro, notificação ou cadastro na Anvisa.

Notícias relacionadas