Saúde

Ministério diz que paciente de MG 'não se enquadra na definição de caso suspeito' de coronavírus

A pasta afirmou que até a tarde de hoje não há detecção de nenhum caso suspeito no Brasil

[Ministério diz que paciente de MG 'não se enquadra na definição de caso suspeito' de coronavírus]
Foto : Anthony Kwan/Getty Images

Por Luciana Freire no dia 22 de Janeiro de 2020 ⋅ 17:40

O Ministério da Saúde informou em nota que o caso investigado pelas autoridades em Minas Gerais não se enquadra na definição de caso suspeito de coronavírus. A pasta afirmou que até a tarde de hoje (22) não há detecção de nenhum caso suspeito no Brasil de "Pneumonia Indeterminada" relacionado ao evento na China.

"O caso noticiado pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) não se enquadra na definição de caso suspeito da Organização Mundial da Saúde (OMS), tendo em vista que o paciente esteve em Xangai, onde não há, até o momento, transmissão ativa do vírus. De acordo com a definição atual da OMS, só há transmissão ativa do vírus na província de Whuan", informou o governo federal.

A SES-MG investiga suspeita de coronavírus em Belo Horizonte. A paciente é uma mulher, brasileira, de 35 anos, que veio de Xangai, na China. Os exames capazes de confirmar ou descartar a hipótese diagnóstica estão em andamento em laboratórios de referência.

Notícias relacionadas