Turismo

Governo brasileiro quer flexibilizar visto para turista chinês, revela presidente da Embratur 

“É uma ideia. Não iríamos mais gastar dinheiro pesquisando a vida do Chinês. Vou levar isso ao ministro e ao presidente”, afirmou Machado

[Governo brasileiro quer flexibilizar visto para turista chinês, revela presidente da Embratur ]
Foto : Metro1

Por Alexandre Galvão / Lara Kertész no dia 11 de Julho de 2019 ⋅ 14:15

Depois de dispensar a necessidade de visto para turistas da Austrália, Canadá, Estados Unidos e Japão, o Brasil quer flexibilizar a exigência do documento também para turistas que vierem da China. A informação foi confirmada pelo presidente da Embratur, Gilson Machado, durante o Investe Turismo, realizado hoje (11), em Salvador. 

A ideia é fazer com que chineses que já entram livremente nos quatro países que o Brasil dispensou visto entrem também no país comandando pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL). 

“É uma ideia. Não iríamos mais gastar dinheiro pesquisando a vida do Chinês. Vou levar isso ao ministro e ao presidente”, afirmou Machado. 

Ainda de acordo com o presidente da Embratur, a emissão de passagens para o Brasil cresceu 137% neste ano. Para ele, o governo atual dá prioridade ao turismo. “É a primeira vez que um governo trata o turismo como política de Estado. Vamos colocar o Brasil na prateleira, realizar o potencial do turismo, sem viés ideológico”, apontou.

Notícias relacionadas