Segunda-feira, 08 de agosto de 2022

A integridade da Boa Morte

a pendenga envolvendo a Irmandade da Boa Morte me fez pensar em Oswald de Andrade

A integridade da Boa Morte

Foto: Reprodução - Jornal da Metropole

Por: James Martins no dia 21 de julho de 2022 às 09:20

“Macumba para turistas” é uma expressão do poeta Oswald de Andrade que satiriza manifestações folquilóricas, demagógicas, supostamente ancoradas em nossas raízes nacionais e populares. Não sei se é o caso, mas a pendenga envolvendo a Irmandade da Boa Morte de Cachoeira e a escola de samba carioca Unidos de Padre Miguel me fez pensar nela. O mesmo Oswald que disse também, no manifesto Pau Brasil: “O Carnaval no Rio é o acontecimento religioso da raça”. O fato foi o seguinte: após a escola de samba anunciar o tema "Avemaria Olorum - A Corte da Boa Morte", para o carnaval do ano que vem, a Irmandade emitiu uma carta aberta em que se declarou surpresa e temerosa com a possível homenagem, pois só ficara sabendo da mesma através do vídeo postado nas redes sociais. 

"Não sabemos como nossa história será contada se nada nos foi perguntado, e sem a devida proteção às nossas tradições não há possibilidade de consentirmos. Assim, através da presente carta, registramos o nosso profundo agradecimento à escola de samba Unidos de Padre Miguel pela homenagem, ao tempo em que expressamos as nossas razões e decisão, orientadas pela força espiritual e ancestral que nos mantém, de não aceitação para figurarmos como tema do enredo de escola de samba no carnaval, apesar da grandiosa homenagem, em razão de sermos uma irmandade religiosa", diz um trecho.

Depois disso, a Unidos de Padre Miguel (não sem antes tentar contornar, pedir desculpas etc) cancelou o tema e em breve anunciará outro. Mas, o que chama mais atenção na trama completa é que, em tempos plenamente midiáticos, quando aparecer é sinônimo de existir, onde se os holofotes são disputados a tapa por indivíduos e instituições, haja ainda uma agremiação de pretas baianas que, indiferentes a tais lantejoulas, prefere preservar a integridade de sua atuação bissecular a posar de qualquer forma para as lentes da fama, mesmo que seja na consagrada Sapucaí. É até comovente grandeza assim. Salve Boa Morte!

Artigos Relacionados

A integridade da Boa Morte - Metro 1