Bahia

ACM Neto: ‘Não podemos pagar o preço do descontrole do coronavírus em outras cidades baianas’

Prefeito diz que Salvador não vai fechar as portas para o interior, mas que demais gestores precisam cooperar

[ACM Neto: ‘Não podemos pagar o preço do descontrole do coronavírus em outras cidades baianas’]
Foto : Max Haack/Secom PMS

Por Lara Curcino no dia 08 de Julho de 2020 ⋅ 11:56

O prefeito ACM Neto disse hoje (8), durante coletiva, que Salvador não pode “pagar o preço do eventual descontrole do coronavírus em outras cidades baianas”. Apesar disso, ele afirmou que a capital “jamais vai fechar as portas” para os pacientes do interior do estado. 

“Todo esforço que a gente está fazendo é para reduzir a taxa de ocupação e permitir a reabertura. É preciso que os prefeitos do interior, principalmente da Região Metropolitana, façam a sua parte. Não adianta Salvador diminuir o número de internações na UTI se o interior aumentar cada vez mais e for encaminhando cada vez mais pacientes para a capital. Não faremos mais nenhuma distinção, baianos de todos os cantos serão atendidos aqui. Mas é preciso ter um trabalho conjunto para redução de novos casos”, disse ele.

O prefeito ainda afirmou que, atualmente, os pacientes de Salvador representam menos de 60% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva ocupados na cidade. 

Notícias relacionadas