Política

Ministro do STF diz que o Brasil não pode ser 'refém de qualquer categoria profissional'

'Os danos ao interesse público que resultam desses atos de paralisação são extremamente graves', disse, em entrevista ao Estadão

[Ministro do STF diz que o Brasil não pode ser 'refém de qualquer categoria profissional']
Foto : Wilson Dias/Agência Brasil

Por Metro1 no dia 25 de Maio de 2018 ⋅ 18:30

O decano do Supremo Tribunal Federal, ministro Celso de Mello, afirmou hoje (25) que o Brasil não pode "tornar-se refém de qualquer categoria profissional".

"Os danos ao interesse público que resultam desses atos de paralisação são extremamente graves e, portanto, não podem ser admitidos. Em síntese, é isso o que eu penso dessa séria situação em que se envolve o país", declarou em entrevista ao Estadão/Broadcast.

Notícias relacionadas

[Damares diz não ter dever de custear Memorial da Anistia]
Política

Damares diz não ter dever de custear Memorial da Anistia

Por Juliana Almirante no dia 16 de Setembro de 2019 ⋅ 07:26 em Política

“Um Memorial da Anistia seria algo como o Memorial do Esquecimento”, diz o texto enviado pelo ministério ao MPF, que questionou cancelamento de obra