Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Saúde

Quase 50% dos pacientes com Covid-19 em UTIs no Brasil morrem, diz estudo

Pesquisa da UFMG levou ao desenvolvimento de uma calculadora de risco de mortalidade

[Quase 50% dos pacientes com Covid-19 em UTIs no Brasil morrem, diz estudo]
Foto : Manu Dias/GOVBA

Por Metro1 no dia 02 de Fevereiro de 2021 ⋅ 10:20

Uma pesquisa da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) apontou que 47,6% dos pacientes com Covid-19 que são internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) no Brasil morrem. O estudo foi realizado em 37 hospitais de Minas Gerais, São Paulo, Pernambuco, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, com a participação de cerca de 150 profissionais de saúde, além de 27 estudantes de medicina e enfermagem. A informação é do G1.

Com base nas análises dos tratamentos e diagnósticos de milhares de pacientes, o estudo criou uma "calculadora" que pode ajudar médicos a tomar decisões mais assertivas a fim de diminuir as mortes. A calculadora, disponível online, considera idade, comorbidade, frequência cardíaca, nível de plaquetas, entre outras variáveis. O objetivo é que seja usada logo na entrada do paciente no setor de emergência.

“Em uma primeira análise do estudo, que começou no início da pandemia, em dois mil pacientes cadastrados foi observado que 1 em cada 5 internados em diferentes cidades faleceram. A situação fica mais grave considerando internados em UTI: a cada dois pacientes, um faleceu. Mais tarde, quando chegamos a cinco mil pacientes, desenvolvemos a ‘calculadora’. Ela foi aplicada em mais de mil pacientes do Brasil e também em pacientes de Barcelona. Os resultados foram muito bons”, disse a professora da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Milena Soriano Marcolino, que coordena o projeto.

Notícias relacionadas