Cidade

Torre do Malassombrado volta a importunar moradores na Ribeira; veja vídeo

As festas acontecem às sextas-feiras, sábados e domingos, começam às 19h30 e entram pela madrugada

[Torre do Malassombrado volta a importunar moradores na Ribeira; veja vídeo]
Foto : Reprodução

Por Metro1 no dia 10 de Setembro de 2019 ⋅ 17:41

O "cacete armado" do bar Torre do Malassombrado, na Praça Dodô e Osmar, na Ribeira, em Salvador, voltou a funcionar. Um vídeo enviado para o Metro1, feito na noite deste domingo (8), mostra a desordem que ocorre no local. As festas acontecem às sextas-feiras, sábados e domingos, começam às 19h30 e entram pela madrugada.

À reportagem, uma moradora que prefere não se identificar relatou que neste fim de semana, antes da apresentação de uma banda de pagode, o suplente de vereador Vado Malassombrado (DEM) anunciou ao microfone que não adiantaria a comunidade denunciar as irregularidades do seu bar. 

Na mesma ocasião, Vado anunciou uma festa de Réveillon com 30 minutos de queima de fogos e mais de dez atrações. “Está promovendo bagunça, som alto, gritaria até de manhã e nenhuma preocupação ou atenção com quem vive há anos na região”, reclama. 

Procurada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), a reportagem foi informada que uma equipe será novamente enviada ao local. Após denúncia feita pelo Jornal da Metrópole e Metro1, a estrutura chegou a ser removida.

O site tentou cotato com o vereador, mas as chamadas não foram atendidas. Apesar de toda alusão ao parlamentar, o bar está registrado em nome de João Paulo Andrade Lisboa de Britto. Britto, segundo dados da Câmara Municipal de Salvador, é funcionário do gabinete de Malassombrado. Pelos serviços prestados, embolsa a gorda quantia de quase R$ 9 mil por mês. 

Leia mais
Bar que ‘homenageia’ vereador na Ribeira está registrado em nome de assessor
Bar de vereador, no estilo ‘cacete armado’, tem autorização para funcionar na Ribeira 
Após Jornal da Metrópole, prefeitura desfaz 'armengue Malassombrado' na Ribeira

Notícias relacionadas

[Mercado Municipal de Cajazeiras: 2 anos em reforma ]
Cidade

Mercado Municipal de Cajazeiras: 2 anos em reforma 

Por Alexandre Galvão no dia 19 de Setembro de 2019 ⋅ 09:00 em Cidade

A Superintendência de Obras Públicas (Sucop) não respondeu, mas o Diário Oficial do Município denunciou: a empresa vencedora da licitação foi a Qualy Engenharia