Editorial

MK lamenta morte de Zuza Homem de Mello: 'Uma vida totalmente dedicada à música'

"Lúcido até o fim, memória fantástica, conhecimento extraordinário", disse o âncora da Metrópole sobre o pesquisador

[MK lamenta morte de Zuza Homem de Mello: 'Uma vida totalmente dedicada à música']
Foto : Tácio Moreira / Metropress

Por Metro1 no dia 04 de Outubro de 2020 ⋅ 11:42

Âncora da Rádio Metrópole, Mário Kertész lamentou a morte do escritor, pesquisador musical e jornalista Zuza Homem de Mello, que faleceu hoje (4), aos 87 anos, após sofrer um infarto enquanto dormia. MK, que era amigo pessoal de Zuza e o entrevistou em diversas ocasiões, citou a "alegria inspiradora" do pesquisador nas conversas e exaltou seu trabalho.

"Um homem cuja vida foi totalmente dedicada à música, grande escritor, responsável por festivais, pela cultura do nosso país, meu querido amigo. (...) Zuza era uma bateria que nos carregava. Nos dava força pela sua inteligência, pela sua cultura, pelo seu conhecimento e alegria. Sempre acompanhado de sua mulher, Ercília. Até o fim, Zuza trabalhou sem parar. Fez várias lives, e Ercília mandava WhatsApp avisando. Fizemos programas aqui em Salvador, ele foi comentarista da rádio, e toda vez que eu queria falar com ele, estava sempre à disposição. Que figura. Que saudade. Que tristeza. Mas ao lado da tristeza, vem a força que ele nos dá. De mostrar como uma vida como a dele significou e vai continuar significando para todos nós. É um exemplo, é um exemplo. Lúcido até o fim, memória fantástica, conhecimento extraordinário e uma alegria... Aquele sorriso de Zuza me inebriava, me dava energia nos momentos de tristeza. Não teremos mais Zuza ao vivo, mas vivo dentro de nós ele sempre estará", disse.

Leia mais:

Zuza Homem de Mello morre em São Paulo, aos 87 anos

Relembre comentários e entrevistas de Zuza Homem de Mello à Metrópole

Notícias relacionadas