Política

Vice de Bolsonaro volta a atacar 13º salário: 'Todos saem prejudicados'

Após a primeira crítica, candidato pediu que Mourão ficasse "quieto" porque estava "atrapalhando"

[Vice de Bolsonaro volta a atacar 13º salário: 'Todos saem prejudicados']
Foto : Exército Brasileiro/Divulgação

Por Marina Hortélio no dia 02 de Outubro de 2018 ⋅ 14:40

O vice na chapa do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), general Hamilton Mourão (PRTB), voltou a criticar hoje (2) o 13º salário. Ele afirmou, no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, que "todos saem prejudicados pelo abono".

"Na realidade, se você for olhar, seu empregador te paga 1/12 a menos [por mês]. No final do ano, ele te devolve esse salário. E o governo, o que faz? Aumenta o imposto para pagar o meu", explicou o general sobre a posição contrária ao benefício.

Semana passada, durante uma palestra no Rio Grande do Sul, o general chamou o 13º de "jabuticaba brasileira", uma "mochila nas costas dos empresários" e "uma visão social com o chapéu dos outros". 

Após a primeira crítica, Bolsonaro desautorizou Mourão e pediu que ele ficasse "quieto" porque estava "atrapalhando". O presidenciável escreveu nas redes sociais que quem fala em mexer no 13º salário comete “ofensa ao trabalhador” e “confessa desconhecer a Constituição”.

Notícias relacionadas