Sábado, 27 de novembro de 2021

Política

Governador do Rio nega acusações de Bolsonaro e diz que foi 'atacado injustamente'

Nas redes sociais, presidente acusou Witzel de vazar para a Globo informações sobre o caso Marielle Franco

Governador do Rio nega acusações de Bolsonaro e diz que foi 'atacado injustamente'

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Por: Juliana Rodrigues no dia 30 de outubro de 2019 às 07:51

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, divulgou, na noite de ontem (29), uma nota em resposta aos ataques feitos pelo presidente Jair Bolsonaro. Durante transmissão ao vivo nas redes sociais, o chefe do Executivo nacional acusou o governador de vazar para a Rede Globo informações das investigações do caso Marielle Franco, a fim de prejudicá-lo na disputa eleitoral de 2022.

Entenda:

Caso Marielle Franco: Bolsonaro é citado e caso pode parar no STF

Após matéria do caso Marielle, Bolsonaro ataca Globo e Witzel

No texto, Witzel lamenta a manifestação feita pelo presidente, que classificou como “intempestiva”, e diz que foi atacado injustamente. “Jamais houve qualquer tipo de interferência política nas investigações conduzidas pelo Ministério Público e a cargo da Polícia Civil”, disse o governador.

“Não transitamos no terreno da ilegalidade, não compactuo com vazamentos à imprensa. Não farei como fizeram comigo, prejulgar e condenar sem provas”, escreveu. “Hoje, fui atacado injustamente. Ainda assim, defenderei, como fiz durante os anos em que exerci a Magistratura, o equilíbrio e o bom senso nas relações pessoais e institucionais”, completou.

Governador do Rio nega acusações de Bolsonaro e diz que foi 'atacado injustamente' - Metro 1